Menu
RSS

 



Keira Knightley precisou de terapia para lidar com os paparazzi

Keira Knightley foi diagnosticada com Transtorno de stress pós-traumático quando tinha 22 anos de idade. Numa conversa com o The Hollywood Reporter, a atriz diz que na origem desse problema estava a pressão e perseguição constante pelos paparazzi: "Ser seguida por cerca de 20 tipos profundamente misóginos, foi um despertar realmente desagradável para o mundo da misoginia", disse, acrescentando que eram constantes as perseguições e provocações, com muitos desses homens a gritarem com ela e a chamarem-lhe nomes.

Knightley apontou Amy Winehouse e Britney Spears como exemplos de outras mulheres que estavam a ter problemas públicos na mesma época, pois os paparazzi procuravam ganhar dinheiro a tirar fotografias da "queda" das estrelas. Para combater essa situação, Knightley desenvolveu então uma espécie de "botão f *** you", mas sair de casa todos os dias ainda era uma "batalha". Reconhecendo que teve um colapso mental, a atriz disse que teve de recorrer a terapia, algo que a ajudou muito

Recordamos que brevemente poderemos ver a atriz em Colette, drama biográfico com base na vida da escritora francesa Sidonie-Gabrielle Colette, com direção de Wash Westmoreland, um dos realizadores de Still AliceNo filme acompanhamos como Colette supera um casamento abusivo para emergir como uma escritora, chegando mesmo a ser candidata ao Prémio Nobel de Literatura em 1948.



Deixe um comentário

voltar ao topo

Contactos

Quem Somos

Segue-nos