Menu
RSS


Joel Schumacher pede desculpas por «Batman & Robin» ... outra vez!

Considerado um dos piores filmes de sempre, o filme Batman & Robin (1997) levou o realizador Joel Schumacher a apresentar as suas sinceras desculpas por tê-lo realizado. Em entrevista ao jornalista Noel Ransome da VICE, o cineasta disse:

Olhe, peço desculpa. Quero apresentar as minhas desculpas a todos os fãs que ficaram desapontados porque acho que lhes devo isso (...) Eu apenas não sabia como fazer uma sequela. Se tiveres sorte, afasta-te. Mas todos na Warner Bros. queriam que a fizesse (...) Nunca quis ser aquela coisa horrível a que chamam de "rei de blockbusters" porque os meus outros filmes eram muito mais pequenos e tinham encontrado o sucesso com a audiência, embora menos frequentemente com os críticos (...). Mas, depois do Batman & Robin, tornei-me escumalha. Era como se tivesse assassinado uma criança.

Outra das questões abordadas foram os infames mamilos presentes no fato do homem-morcego. A isso Schumacher respondeu:

Sei que isso vai perseguir-me até à sepultura (...) Nessa altura, a moldagem da borracha estava muito mais avançada que nos filmes anteriores e eu disse "Vamos fazer isto de forma anatómica" e dei fotografias de estátuas gregas e desenhos que encontras em livros de medicina. Mostraram-me o resultado e eu achei que era fixe (...) Nunca pensei que fosse causar polémica. Talvez tenha sido ingénuo, mas fico feliz que o tenhamos feito.

Arnold Schwarzenegger e Joel Schumacher no set de Batman & Robin

A transição das mãos da franchise das mãos de Tim Burton para as de Schumacher também foi um tema inevitável:

A personagem do Danny DeVito e da Michelle Pfeiffer no Batman Regressa (1992) estava a causar inquietação nos pais das crianças. As pessoas na América opunham-se a tudo. O Tim pediu-me que tomasse conta da franchise por causa da pressão que lhe estava a ser imposta. Se olhares para a minha versão e para a do Tim percebes o quão inocentes eram os espectadores na altura. (...) Queriam filmes mais family-friendly. Depois olhas para a trilogia do Nolan, principalmente o último onde ele lida com problemas reais de classe e economia e percebes o quanto a audiência mudou e quer temas cada vez mais negros.

O realizador referiu ainda que a substituição de Val Kilmer por George Clooney como protagonista se deveu ao facto do primeiro estar em conflito com as rodagens de A Ilha do Dr. Moreau e que o segundo apenas aceitou o papel porque tinha Schumacher a realizar. Quanto à presença da Bat Girl, ela foi incluída para atrair raparigas novas para a saga. Finalmente, o realizador quis fazer um terceiro Batman com Nicolas Cage no papel de Espantalho (um dos vilões de Batman: O Início), mas desistiu.



Deixe um comentário

voltar ao topo

Atenção! Este website usa Cookies.

Ao navegar no website estará a consentir a sua utilização. Saber mais

Entendi

Os Cookies

Utilizamos cookies para armazenar informação, tais como as suas preferências pessoais quando visitam o nosso website. Os cookies são pequenos ficheiros de texto que um site, quando visitado, coloca no computador do utilizador ou no seu dispositivo móvel, através do navegador de internet (browser). 

Você tem o poder de desligar os seus cookies, nas configurações do seu browser, ou efetuando alterações nas ferramentas de programas AntiVirus. No entanto, isso poderá alterar a forma como interage com o nosso website, ou outros websites.

 Tipo de cookies que poderás encontrar no c7nema?

Cookies estritamente necessários : Permitem que navegue no website e utilize as suas aplicações, bem como aceder a eventuais áreas seguras do website. Sem estes cookies, alguns serviços que pretende podem não ser prestados.

Cookies analíticos (exemplo: contagem de visitantes e que páginas preferem): São utilizados anonimamente para efeitos de criação e análise de estatísticas, no sentido de melhorar o funcionamento do website.

Cookies funcionais

Guardam as preferências do utilizador relativamente à utilização do site, de forma que não seja necessário voltar a configurar o website cada vez que o visita.

Cookies de terceiros

Medem o sucesso de aplicações e a eficácia da publicidade de terceiros. Podem também ser utilizados no sentido de personalizar widgets com dados do utilizador.

Cookies de publicidade

Direcionam a publicidade em função dos interesses de cada utilizador. Limitam a quantidade de vezes que vê o anúncio, ajudando a medir a eficácia da publicidade e o sucesso da organização do website.

Para mais detalhes visite http://www.allaboutcookies.org/

Secções

Quem Somos

Segue-nos

Contactos