Menu
RSS


Avança o projeto em torno do pintor expressionista Edvard Munch

Começam em 2020 as filmagens de uma cinebiografia em torno do pintor expressionista norueguês Edvard Munch – eternamente conhecido por O Grito e por abordar nos seus trabalhos temas ligados aos sentimentos e às tragédias humanas. A confirmação foi dada ao c7nema por Erik Poppe (na imagem abaixo), o realizador de Águas Agitadas  (2008)Mil Vezes Boa Noite (2013) e Utoya, 22 de Julho, filme sobre o Massacre de Utoya que chega esta semana aos cinemas portugueses. 

Levemente inspirado no livro The Story of Edvard Munch, de Ketil Bjørnstad, o filme - em desenvolvimento desde 2014 - deverá concentrar a sua ação na década de 1890, período no qual o pintor conheceu Tulla Larsen, aquela que seria a sua grande paixão e fonte de inspiração. As filmagens deste projeto deverão passar por Paris, Berlim, Oslo e Åsgårdstrand, local onde o pintor tinha uma casa de campo.

Recordamos que o realizador britânico Peter Watkins já executou uma fita em torno de Munch em 1974.

Antes deste projeto, Poppe prepara outro, pra já mantido em segredo: "será controverso. Não quero falar dele porque estamos ainda a reunir o financiamento, é possível que existam novidades por altura do Festival de Berlim, em fevereiro. É provável que o anunciemos lá. "



Deixe um comentário

voltar ao topo

Contactos

Quem Somos

Segue-nos