Menu
RSS


Protagonistas femininas ganham força no box-office

Resultado de imagem para a quiet place c7nema

Dos 100  filmes com maiores receitas de bilheteira, 40 tinham mulheres no protagonismo ou coprotagonismo, diz um estudo da USC Annenberg (Escola USC Annenberg de Comunicação e Jornalismo). Estes valores representam um aumento de 8 filmes em relação a 2017 e de 20 filmes em comparação com 2007. Segundo a Variety, esta é a maior percentagem de filmes com mulheres na liderança em 12 anos.

A publicação acrescenta ainda que as atrizes de grupos subrepresentados "ainda não conseguem as mesmas oportunidades que os atores brancos", mas os dados sugerem um aumento da sua representação, com 28 dos 100 filmes a apresentarem uma protagonista ou coprotagonista pertencente a esse grupo. Trata-se de um aumento de 7 filmes em relação ao ano anterior e 15 na comparação com 2007.

Quanto à presença de atrizes com mais idade no protagonismo, o ano de 2018 revelou igualmente uma melhoria em relação aos anteriores. A pesquisa da USC analisou o número de mulheres protagonistas com 45 anos de idade ou mais no momento do lançamento das obras. Cerca de 11 dos 100 filmes com mais receitas cumpriam este critério. Este valor representa um crescimento acima de 50% em relação a 2017.

 



Deixe um comentário

voltar ao topo

Contactos

Quem Somos

Segue-nos